Novidades‎ > ‎

Urbanismo on-line

postado em 19 de abr de 2012 18:14 por Jocélio Souza

INTERNET

Mídia social disponibiliza na internet acervo de 82 mil imagens, que retratam a diversidade da arquitetura brasileira

THIAGO MINAMI

Especial para a Agência USP

A Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) da USP deverá inaugurar ainda neste mês de março uma versão-teste do Arquigrafia (www.arquigrafia.org.br), uma rede social na internet em que usuários poderão compartilhar imagens fotográficas e comentários relacionados à arquitetura brasileira. O projeto reúne um acervo com mais de 82 mil imagens.

As fotos começaram a ser reunidas nos anos 1960, quando alunos e professores da FAU empreenderam uma grande ação coletiva para a doação de fotografias de arquitetura. Por meio da internet, o projeto quer ajuda da população para ampliar esse acervo e conhecer melhor a diversidade da arquitetura brasileira.

É possível também avaliar o conteúdo compartilhado com base em aspectos plásticos e espaciais, além de realizar buscas com palavras-chave. “A princípio serão só fotos, mas a ideia é trabalhar também com desenhos e vídeos no futuro”, diz o professor Artur Rozestraten, da FAU. Também coordenam o projeto os pesquisadores Maria Laura Martinez, da Escola de Comunicações e Artes (ECA), Marco Aurélio Gerosa e Fabio Kon, ambos do Instituto de Matemática e Estatística (IME), todos da USP.

O sistema também poderá ser acessado por dispositivos móveis – smartphones e tablets –, valendo-se de aplicativos da plataforma Android/Google. Por meio desses dispositivos, interessados no assunto adicionam novas fotos com ajuda do georreferenciamento – isto é, os arquivos vão ao ar já com a localização marcada automaticamente. Ao mesmo tempo, ficam sabendo dos locais já listados por outros usuários nas redondezas. As licenças das imagens serão gerenciadas pelo Creative Commons, um projeto global presente em mais de 40 países que criou um modelo menos burocrático de gestão dos direitos autorais, sem custos para o autor.

Difusão – O objetivo principal é contribuir para o estudo, a docência, a pesquisa e a difusão da cultura arquitetônica e urbanística, ao promover interações colaborativas entre pessoas e instituições. Neste momento a equipe realiza a integração gradual dos cerca de 37 mil slides do acervo do Setor Audiovisual da Biblioteca da FAU, catalogando as imagens uma por uma, com o apoio de Dina Uliana, diretora da Biblioteca da FAU, e Eliana de Azevedo Marques, bibliotecária responsável pelo setor. “Uma das inovações é unir o acervo institucional ao criado pelos usuários”, diz Rozestraten. Com tais características, o Arquigrafia será o primeiro ambiente colaborativo na Web concentrado especificamente em imagens de arquitetura e espaços urbanos brasileiros.

O projeto conta com o apoio da Fapesp e da Pró-Reitoria de Pesquisa da USP, e recebeu o primeiro prêmio na categoria Tecnologias Sociais Aplicadas e Humanas da Agência Inovação USP em novembro de 2011.

O Arquigrafia é feito com base no Groupware Workbench, um software livre – isto é, gratuito e modificável por qualquer usuário – desenvolvido em parceria entre o IME, a Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e a Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio de Janeiro. Encontra-se hospedado no Centro de Competência em Software Livre (CCSL) do IME.

O Groupware Workbench oferece um conjunto de ferramentas para a construção de sistemas colaborativos na internet. Um dos diferenciais em relação a outros no mercado é a utilização de dispositivos que favorecem a coleta de informações de inteligência coletiva para uso em pesquisas científicas na área.

Após receber um treinamento mínimo, programadores podem desenvolver seus próprios componentes e agregá-los ao pacote básico. É como se fosse possível entrar no sistema de um site do tipo YouTube, para compartilhamento de vídeos, e acrescentar funções extras como “dê uma nota de 0 a 10 para o vídeo”.

Link da notícia original: http://espaber.uspnet.usp.br/jorusp/?p=21101

Comments